Pátio interno x Pátio externo

Muitos gestores se indagam no momento de planejar o pátio interno e externo para sua instituição de ensino. Sabemos que o pátio é um local cheio de recordações da nossa época de escola: um lugar para se divertir, aprender e de criar boas memórias com os colegas. Além disso, é uma extensão da sala de aula e pode proporcionar às crianças menores, as primeiras construções de interação social e cognição.

Por isso, nesse post iremos entender melhor quais são as principais diferenças entre o pátio interno e o pátio externo.

Pátio externo

Bom, o principal ponto que devemos considerar é a área disponível. Algumas escolas não dispõem de um local grande e, por isso, é preciso procurar soluções práticas e proveitosas para se projetar um pátio desse tipo. Contudo, é possível sim aproveitar espaços menores para criar ambientes ao ar livre.

Uma das ideias que desenvolvemos para uma escola que atende o ensino infantil foi a de acomodar este “brinquedão”. Esse tipo de equipamento é uma ótima escolha, auxiliando às crianças a desenvolverem diversas atividades motoras, como escorregar, escalar e subir. A vantagem é que tudo fica compacto no mesmo espaço.

Tratando-se de um pátio para alunos mais velhos, aconselhamos incluir áreas de convivência mais livres, com mobiliário móvel e, sempre que possível, com vegetação (grama, arbustos e árvores). Dessa maneira, os alunos têm maior mobilidade, podendo transitar livremente e relaxar entre as aulas.

Construção do Colégio Apoio

Uma solução bastante interessante quando não há espaço no térreo, é a de construir o pátio na cobertura da sua instituição, considerando a segurança e utilizando mobiliário adequado.

Quando tratamos de materiais para esse modelo de pátio, é indicado escolher mobiliário e brinquedos de madeira envernizada ou polipropileno, pois garantem maior durabilidade e combinam com a ambientação do espaço. Podemos empregar, ainda, grama natural ou sintética e plantar arbustos em cachepôs e vasos, trazendo natureza e aconchego. Utilizar as cores da escola nas paredes, bancos e detalhes reforçam a identidade visual da sua instituição.

Pátio interno

É interessante avaliar o espaço disponível para projetar o pátio interno, para poder aproveitar todo seu potencial. Ele é uma ótima opção para cidades em que há mudanças climáticas bruscas. Pois, por possuir cobertura, os alunos conseguem usufruí-lo independentemente da época do ano. Ademais, o mercado oferece grama artificial e plantas que podem ficar em ambientes cobertos que geram uma conexão e conforto ambiental bem parecido com uma área externa.

patio interno e externo

A infraestrutura precisa estar adequada ao uso. Ou seja, é essencial escolher pisos e mobiliário apropriados para a faixa etária, que sejam seguros e que possam agregar no dia a dia escolar.

Qual modelo de pátio deveria ter na minha escola?

Agora que discorremos sobre os pátios interno e externo, queremos saber: qual a melhor escolha para a sua escola? Indiscutivelmente é aquele que contemple seu programa de necessidades, que melhor se encaixe no orçamento, que esteja disponível na sua edificação e, finalmente, que converse com a proposta pedagógica.

Os comentários estão fechados.